Manter o ânimo em meio a aflição da vida é possível?

Por Teol. Leo Almeida


"Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo". João 16:33

Tem coisas no evangelho que nos deixam atônitos como esta afirmativa paradoxal de Jesus. Como conciliar aflição e ao mesmo tempo ter ânimo? Quando você está passando por alguma enfermidade, acidente, crise financeira (DESEMPREGO) ou familiar você consegue ficar animado? Penso que este ânimo não seria sair rindo para todo mundo e dizer falsamente que se sente feliz com todas aflições que está enfrentando.

O que o Senhor quer dizer aqui é que devemos manter a esperança (ânimo) apesar das aflições, na certeza que também iremos vencer qualquer tipo de dificuldade se mantermos nossa fé viva nele, pois se ele (JESUS) foi vencedor, nós também seremos.

Por outro lado, o texto que nos alertar, que o fato de ser um seguidor de JESUS não o isenta de não passar dificuldades e privações de toda sorte. Então cuidado para não ser como os amigos de Jó que ao presenciar seu infortúnio tentavam a todo instante achar alguma falta em sua vida para justificar sua dor. É loucura pensar assim, pois enquanto estivermos neste mundo sempre estaremos cometendo algum tipo de pecado, seja por ação ou omissão, embora devemos seguir rumo a santificação até o dia que iremos estar na eternidade, quando teremos um corpo glorificado, e só assim estaremos livres do pecado.

Da mesma forma cuidado para não agir conforme a mulher de Jó, que lhe disse: Amaldiçoa seu Deus e morre. A mulher de Jó lançou dúvida da relação de Deus com Jó, como se de alguma forma Deus o havia abandonado deixando-o morrer à míngua. Sendo que para a mulher de Jó, diante do estado em que este se encontrava, a saída mais racional para seu esposo seria abandonar a fé no Deus todo poderoso. Da mesma forma quando passamos por um longo tempo de provação esta proposta sempre nos vem à mente, a meu ver um ataque direto do Diabo no sentido de minar nossa fé. Neste sentido resista ao Diabo e ele fugirá de voz. (Efésios 6)


Por último este ânimo parte da premissa que tudo que acontece em nossas vidas tem um propósito, seja a dor, a doença, o desemprego e as demais dificuldades. Enfim tudo de alguma forma Deus irá usar para um fim proveitoso, a soberania de Deus transcende nossa capacidade de entendimento, seus pensamentos e planos são maiores que os nossos, enquanto nossa mente atua apenas no racional, os planos de Deus vão muito além que os nossos, onde nossa mente não pode alcançar. Então por isso devemos ter ânimo, “sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito”. Rm. 8.28

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A DINÂMICA DA FÉ

Os sinais da frustração e da neurose.

CUIDADO A INVEJA DESTROI RELAÇÕES